O bicho-da-seda é a larva de uma mariposa. Quando nasce mede cerca de 2,5 mm de comprimento. Durante 42 dias alimenta-se sem parar, de folhas de amoreira e sofre quatro metamorfoses.
Quando atinge o tamanho de 5cm, começa então a tecer um casulo branco e brilhante, composto por um único fio. Com um movimento geométrico infinito, em torno de seu próprio corpo, após três dias de trabalho, estará envolta em um casulo confeccionado por um fio de aproximadamente 1200 metros. Se for deixada em paz... Em 12 dias se transformará numa borboleta.
Com esses fios, há quase três décadas, ando tecendo a minha história. Por um desejo simples, desprovido de maiores intenções, eis aqui um espaço onde me proponho a compartilhar minha trajetória e falar livremente sobre todo tipo de arte, incluindo a arte de viver.
Bem-vindos ao meu mundo, onde nem tudo é sempre colorido, transparente, leve, mas que guarda em si, todas essas possibilidades...

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

 
Posted by Picasa

Eu quero
O inesperado
O inexplicável
O inesgotado
O inabdicável
É disso que é feito
O canto
Que canta
Em cada canto
do meu encantamento

9 comentários:

keyvan bueno disse...

eu tambem, baby, eu tambem quero!!!!!!

Calabresa disse...

Eu quero, quando eu "crescer", escrever bem como você!
Abração beeeeem apertado, cheio de saudades!

Plim disse...

E o esperado explicava esgotado que abdicava de tudo que tinha feito no centro do encanto do nosso descontentamento...
bmeu

Ita Andrade disse...

Key,
Eu sei, Key
Adriana,
Assim como os cantores de chuveiro, escrevo eu.
Plim,
Pois!!!
Obrigada a todos pelo coment. Um blog é um lugar tão solitário...

Marisa Pimenta disse...

Oi Ita, sumida. Como vai a linda Paraty? Não consigo chegar aí, tem sempre um problema, eu q ia sempre agora estou há bom tempo sem ir. Carnaval está caro demais nas pousadas. Apareça e dê noticias. Bjks

Monica Loureiro disse...

Voce sempre escrevendo com delicadeza....

Beijim

Ana Paula disse...

Que imagem linda, desculpe a ignorância, é sua? Belezura, meu Deus.......

Ana Paula disse...

Seu trabalho é lindo mas esse em espcial me deixa aturdida...talvez por eu ser bióloga. Acabo de chegar de Portugal, temrinei meu doutorado lá. Paris só foi passeio. Em Portugal conheci uma cidade chamada Castelo Branco (conhece?) onde as pessoas criam em casa o bicho da seda desde larvinha. Tudo pq a seda que juntam é por eles tingida e usada em um bordado típico da região. Ganhei um quadro com o bordado, vou ver se fotografo e coloco no blog (aviso qdo o fizer). É lindooooooo! Posso mostar esse trabalho do colibri nos meus blogs citando autoria e indicando seu blog? Na relaidade seu blog já indiquei, sem mostrar o trabalho, só pq achei uma paisagem pra alma! Beijo

Ita Andrade disse...

Oi Ana Paula
Foi por acreditar que tenho algo a compartilhar que me rendi a ideia do blog, portanto, pode copiar o que quiser e publicar sem aspas. Nada nessa vida me pertence a não ser meus sentimentos. Visita boa! volte sempre